domingo, 23 de janeiro de 2011

Abandono

Como um palhaço de luto,
você vive me dizendo adeus

Eu
vivo
esperando

como as flores que caem da árvore
e enfeitam o chão.


3 comentários:

Tiago disse...

sempre observo os chãos tingindos de flores sob as árvores. às vezes, são tão intensos que dá vontade de ficar alí parado esperando fenecer, sem perder um segundo da sua beleza.

Tiago disse...

droga, foi só um sonho.
sonhei que tinha um texto novo aqui.
que estranho,
era tão lindo,
agora vim ler de novo e não tinha nada.

a senhora quer fazer o favor de publicar,quero ler de novo.

e quero manu!
quero mariá!
quero todos o textos.

Adrielly Soares disse...

Ahh que lindo lu.