quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Carrego sentimentos alheios

As lágrimas são de um filme
tão triste, mas tão triste, que não adiantou a mensagem de esperança no final
ficou o sal na lembrança, a perda,
e a repentina vontade de chorar
sem explicação

Falando em vontade,
essa que às vezes me dá,
de dançar enlouquecida, sem jeito e sem parar,
é toda daquela melodia de notas agudas, harmoniosa, alegre como riso de criança,
que grudou na cabeça feito chiclete
e não sai de jeito nenhum porque eu não sei assoviar

Já todo esse amor que eu sinto,
desmedido e sem explicação,
que é maior que tudo no mundo (o universo dos amores)
tão feliz e correspondido,
não passa de ficção
Vem daquele livro que eu leio há anos e nunca termino
(pra ser sincera, nem pretendo terminar!)…
é que quando tô chegando no final, dá uma saudade!…
aí eu volto, releio, sinto mais um pouquinho,
e me apaixono tudo de novo, como na primeira vez

Sabe o meu lado sombrio? veio de uma pintura
aquela que é quase poesia, quase desespero
uma amargura sem alento
com cores sérias, frias e escuras
que não formam nada definido,
nem mesmo esse sentimento…

E essa solidão,

...Essa solidão…

Ah, não, essa é minha mesmo.

5 comentários:

JR disse...

Seu blog eh perfeito... Lendo-o, parece que vejo um filme da minha vida.. Tens orkut/msn? Adoraria saber quem é a dona dessa sensibilidade impar. Bjos

Fernanda disse...

Eu vi no blog da Adrielly que vc voltou! \o/
Mas tá uma confusão de pensamentos, sentimentos e dizeres, que eu nem sei.
Solidão ás vezes é bom pra gente organizar gavetas dentro da cabeça. Depois, sai saltitando vida afora! =]

Te desejo isso, chérrie.Saltitar vida afora!

Beijooo! Que bom vc de volta!

Adrielly Soares disse...

Eu ameiii o seu texto, ele todo é delicioso. Gosto desses textos que se parecem em si, sobre a extrutura sabe?
Adorei ele todo, adorei o final.
=* fique por aqui.

Karina Lerner disse...

difícil compartilharmos de uma solidão que não seja a nossa, não é mesmo?

já um filme, uma vontade, um amor... esses são divididos, vivenciados e passam, ou não!

bjs!

Adrielly Soares disse...

Gostei tanto que enquando você não
posta um novo venho aqui só
pra o reler.